Passo a Passo de como fazer uma mussarela diretamente do leite da vaca

 

Hoje vamos aprender a fazer a mussarela mais saborosa que existe a mussarela original.

Vamos precisar de:

  • 10 litros de leite
  • 1 tampa de coalho
  • 10 litros de agua fervente
  • termômetro
  • peneira
  • guardanapo
  • 300 ML de pingo a isca que e o soro do queijo do dia anterior.
  • colher de madeira
  • Sal a gosto
  • bacia

 

Modo de preparo

adicione uma tampa de coalho em 10 litros de leite e o pingo mexa bem e deixe descansar por uma hora, corte a coalhada . Coloque em uma panela 5 litros de de agua e leve ao fogo. Quando a agua já estiver fervendo vá ate a coalhada e retire o soro de cima dela  só um pouco do soro e jogue fora, pegue o termômetro coloque dentro da bacia de coalhada despeje a agua fervente de vagar com cuidado para não se queimar, mecha a coalhada com o termômetro ate chegar aos 45 graus Celsius.

Pare de mexer e retire o termômetro . após uma hora de descanso retire a coalhada de dentro da agua e coloque em uma peneira e a tampe com o guardanapo.  após 3 horas descansando na peneira.

Dica

Para saber quando esta dando o ponto de filagem pode ser feito teste da massa, corte um pedaço pequeno e coloque agua por cima e amasse a massa um pouco e tente abrir igual a uma massa de pizza só que na mao se abrir sem rasgar ela deu ponto.

coloque mais 5 litros de agua pra ferver , corte a coalhada em pedaços  pequenos reserve em uma bacia  e despeje a agua fervente em cima da coalhada após 1 minuto mecha e vai ver que ela vai começar a virar uma liga mecha bem ate não ver mais pedaços , coloque em uma vasilha que deseja, quadrada ou redonda . Depois que esfriar faça uma agua de salmoura e deixe a mussarela por 10 minutos dentro dela  e já pode utilizar para fazer o que deseja . garanto que se seguir a receita direitinho a mussarela ficara uma delicia.

 

 

Pra quem não conhece o que e o famoso PINGO . O pingo é recolhido à noite, logo após a fabricação do queijo . “Durante a noite, há a concentração de fungos, leveduras e bactérias benéficas ao processo de maturação do queijo que, junto com o sal, atuam como conservante e formam o pingo.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *